A ASSOCIAÇÃO
PRIMEIRA PESSOA
GUIAS
NOTÍCIAS
EDITORA PÚBLICA
REDE
CONTATO
ASSOCIE-SE
LOGIN
Jeduca | Associação dos jornalistas de educação
notícia

Congresso da Jeduca destaca bastidores de grandes reportagens

19/06/2017

Jornalistas vão falar nesta quinta (29) sobre a apuração de matérias premiadas, como as do roubo do Enem, da farra do Fies e de série sobre a violência nas escolas de Fortaleza

Saldaña: Esso com 'Farra do Fies'
IEA-USP
Além de um tema central para o debate sobre os rumos do país, a educação é um campo vasto para grandes reportagens. Autores de reportagens que tiveram forte impacto e acumularam prêmios vão compartilhar os bastidores das produções, obstáculos e técnicas de seus trabalhos no 1º Congresso de Jornalismo de Educação, promovido pela Jeduca, que será realizado nos próximos dias 28 e 29.
 
 
A mesa Grandes Reportagens de Educação (dia 29, às 9h) reúne os jornalistas Renata Cafardo, Paulo Saldaña e Beatriz Jucá. Mediado pelo jornalista José Brito, do Canal Futura, o encontro prevê ainda um bate-papo com participantes. As vagas são limitadas.
 
 
Renata Cafardo vai contar os detalhes da reportagem sobre o vazamento da prova do Enem, em 2009. Aquele era o primeiro ano em que a prova, então reformulada, passava a ser usada como vestibular pelas universidades federais. Foram 17 horas de apuração antes que o texto da manchete do Estadão de 1º de outubro de 2009 fosse confirmado: "Prova vaza e MEC decide cancelar Enem". 
 
 
O furo jornalistico recebeu o Prêmio Imprensa Embratel e foi finalista do Prêmio Esso. Renata terminou de escrever no mês passado um livro reportagem sobre o episódio.
 
 
Paulo Saldaña falará sobre a série de de reportagens intitulada Farra do Fies, vencedora da categoria principal do prêmio Esso (atual ExxonMobil) de 2015. A série – publicada pelo Estadão nos primeiros meses de 2015 – faz um balanço detalhado sobre o programa federal de financiamento estudantil do ensino superior, o volume de gastos, suas falhas e consequências.
 
 
Realizadas em parceria com Rodrigo Burgarelli e José Roberto de Toledo, as matérias foram resultado de um esforço que uniu o mergulho em grandes bases de dados, entrevistas e análises aprofundadas. Este foi o primeiro trabalho de educação a ganhar a principal categoria do prêmio de jornalismo mais tradicional do Brasil.
 
 
Já a jornalista Beatriz Jucá apresentará os bastidores da reportagem Vozes do Silêncio, publicada no Diário do Nordeste (Ceará), vencedora do prêmio Undime de Jornalismo de 2015. O especial apresenta histórias relacionadas a violência nas escolas de Fortaleza, sob os pontos de vista de diferentes atores que compõem o ambiente escolar: alunos, pais, mediadores de conflitos, professores e a própria escola.
 
 
Respondendo ao desafio de dar voz à comunidade escolar, a série de reportagens aborda, em textos de inspiração literária, as questões da violência, da falta de estrutura familiar e também práticas restaurativas na resolução de conflitos.
 
 
 
 
O debate sobre Grandes Reportagens compõe o eixo "Fazer Jornalístico" do 1º Congresso de Jornalismo de Educação. Entre os cinco encontros desse eixo, destaca-se o debate Editores e a Educação como Notícia, também nesta quinta, dia 29, às 10h45.
 
 
A mesa reúne o editor de Cotidiano da Folha de S. Paulo, Eduardo Scolese, a diretora-geral do Nexo, Paula Miraglia, e o chefe de produção de rede da TV Globo em São Paulo, Nelio Horta. Com mediação do jornalista Luiz Falzetta, do movimento Todos Pela Educação, os participantes vão debater o desafio que os temas de educação enfrentam na disputa de espaço com assuntos que tradicionalmente rendem manchetes e o que consideram boas pautas de educação.
 
 
 
Programe-se:
 
1º Congresso de Jornalismo de Educação
 
Universidade Anhembi Morumbi
 
Rua Casa do Ator, 275, Vila Olímpia, São Paulo
 
 
 
 
apoiadores
Itau Social
Itau
Instituto C&A 25 anos
Telefonica Fundação / Vivo
Fundação Lemann
CENPEC
Campanha Nacional pelo direito à educação
Parto Lauand
Todos pela educação
Instituto Ayrton Senna
Instituto Unibanco
Fundação Roberto Marinho
OEI
ABRAJI
Cooperação reperesentação do Brasil
JeffreyGroup
primeira pessoa